CARLOS FIORINE


Natural de Santa Cruz das Palmeiras, Carlos Fiorini, diplomado pela Escola Artístico-Cultural Pirassununga, graduou-se nos cursos de Composição e Regência pelo Instituto de Artes da UNICAMP.

Mestre em Artes, grau a ele conferido pela mesma instituição, estudou sob a orientação do Maestro Eduardo Ostergren. Docente da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), onde é professor de regência, atuou também como professor na Universidade Estadual de Londrina.

Diretor
Artístico e Regente Titular do Coral Campinas, realizou trabalhos de Preparação Coral em conjunto com a Orquestra Sinfônica de Campinas, Orquestra Sinfônica de Sorocaba, Orquestra Sinfônica de Americana Orquestra Sinfônica de Bragança Paulista Orquestra Filarmônica de Rio Claro e Orquestra Sinfônica da UNICAMP.

Atualmente também é Regente Titular do Coral IAC (Instituto Agronômico de Campinas). Criou em 1996 a Camerata Anima Antiqua, dedicada à música medieval e renascentista. Carlos Fiorini apresenta-se regularmente como regente convidado com a Orquestra Sinfônica da UNICAMP, Orquestra Sinfônica de Americana e Orquestra Filarmônica de Rio Claro.

Apresentou-se também frente a Orquestra Sinfônica da Universidade Estadual de Londrina, Orquestra Sinfônica de Sorocaba. Vencedor do Concurso para Regentes da Orquestra Sinfônica da Universidade Estadual de Londrina, atuou como Regente Assistente, durante o ano de 1995, junto a esta orquestra. Atualmente, Carlos Fiorini é Regente e Diretor Musical do Festival de Ópera de Florianópolis.